5 dicas essenciais para ter uma boa rede de contatos

Suponha que você perca o emprego hoje. Para quem pediria ajuda na recolocação, um conselho sobre qual rumo seguir ou a validação de seus projetos? Agora, com essa pessoa em mente, tente lembrar quantas vezes vocês se falaram nos últimos três meses. Se a resposta foi nenhuma, sua situação não é boa.

O poder do networking

Não é exagero afirmar que as melhores oportunidades de negócio e carreira são frutos de networking. É claro que não dá para acreditar que irá sustentar sua trajetória profissional apenas com indicações. O que falo aqui é sobre investir no seu desenvolvimento enquanto se cerca de pessoas que te inspiram, motivam ou auxiliam a ser melhor, como pessoa e profissional.

É inadmissível conhecer as pessoas certas, mas só entrar em contato com elas quando precisa de um favor. Aliás, não ter zelo pelos relacionamentos é um erro grave de muitos profissionais e o bom networking precisa estar ativo independentemente do seu momento de carreira. Vou te dar cinco sugestões:

1) Evite almoçar sozinho

Crie o hábito de chamar pessoas para almoçar com você, sejam elas da própria empresa ou de outras. Aproveite o momento para trocar informações sobre carreira, projetos, mercado de trabalho ou outro tema de interesse comum entre vocês.

2) Saiba ouvir

Quando estiver participando de uma conversa, demonstre real interesse pelo que a outra pessoa tem a dizer, sem pensar apenas nos benefícios que ela pode trazer para você. Preste atenção aos detalhes da conversa, faça perguntas e evite manipular o encontro com seus assuntos. Comprometa-se, inclusive, a ouvir com atenção quem tem pontos de vista diferentes do seu.

3) Estabeleça relacionamentos de mão dupla

Sempre que tiver a oportunidade, facilite a vida de alguém com um conselho ou favor. Você não sabe se precisará da ajuda dessa mesma pessoa no futuro.

4) Deixe que as pessoas saibam que você se lembrou delas

Parabenize as pessoas pelo aniversário ou pela evolução na carreira. Com moderação, utilize e-mails, mensagens instantâneas ou redes sociais para compartilhar informações que acredita serem interessantes para o outro. Pode ser um artigo, indicação de livro, sugestão de filme ou outro material.

5) Marque presença

Sem dúvida, canais eletrônicos facilitam muito a vida, mas, sempre que possível, marque encontros presenciais. Inclua, ainda, na programação do ano a participação em feiras, cursos e palestras. Não deixe de ir a esses eventos munidos do seu cartão pessoal.

Agora que você já está craque no assunto networking, compartilhe essas dicas com seus contatos. Caso queira mais orientações sobre carreira, gestão e mercado de trabalho, inscreva-se em nossa Newsletter.

Artigo extraído e adaptado de Robert Half.

_____________________________

Gostou? Compartilhe:

 

botão newsletter
Curta nossas redes sociais:

 

 

Conteúdo Relacionado