Pessoas inteligentes se afastam das más notícias

Você tem o hábito de ler ou assistir a más notícias? A corrupção no mundo político, a falta de segurança nas ruas, a crise econômica, assassinatos, atentados…
Pare um pouquinho e pense em como isso afeta o seu humor: você fica triste, bravo, furioso, revoltado, sem esperança, vontade de jogar a toalha? Em mim, isso faz muito mal, por isso quero compartilhar como lido com essa situação no meu dia a dia neste vídeo aqui:

 

**Não sei se você viu o homem passando de bike na hora da gravação…rs… Fui pega de surpresa, mas deixei aí no vídeo para você ver o que pode acontecer quando estamos gravando na rua… **

Bem, mas isso não tirou a seriedade do assunto e quero refletir um pouco mais com você que me acompanha aqui na newsletter.

Não resta dúvidas de que somos mais atraídos por más notícias, é por esse motivo que as mídias nos enchem de tragédias e desgraças que acontecem pelo mundo.

Você pode até pensar que é impossível se afastar das tragédias, porque elas estão por toda parte, é só acessar as redes sociais e vai ver um monte de desgraceiras… mas já parou pra pensar que as redes sociais são feitas de algoritmos, programas que fazem com que apareça para você aquilo que você mais acessa? Se você dá um clique num post com uma má notícia, pronto, já era! Basta fazer o teste, clique num post sobre saúde, por exemplo, já, já estará recebendo um monte de outros sobre o mesmo assunto ou similar.

Uma boa pergunta para se fazer nessas horas é: “Será que eu tenho o poder de mudar aquilo que me entristece?” E a resposta é: “Sim!” Então, comece já! Qual será o primeiro passo? Primeiramente, caia fora dessa vibe. Isso te consumirá e ao final do dia só encontrará cansaço e frustração, porque tudo que pensou em fazer não aconteceu, você se distraiu demais se consumindo com isso.

Todo bom hábito puxa outros bons hábitos (como expliquei no vídeo – https://www.youtube.com/watch?v=FBYxzEuoi_s), todo mau hábito puxa outros maus hábitos, notícias ruins, reclamação, fofoca… queda de produtividade e de resultados.

Você é o que você pensa, se pensa que está tudo ruim, por que agir para mudar se não há mais esperança? Sobra o conformismo e daí tudo estará mesmo acabado.

Eu tenho alguns hábitos que me ajudam muito nessa luta diária. Veja o que acha!

1 – Não assisto jornal na TV, eu escolho em alguns sites as notícias que quero conhecer, buscando analisá-las para entender o impacto disso na minha vida, da minha família e na vida dos meus clientes. A pergunta é: posso fazer alguma coisa para mudar esse cenário? Se não, caio fora.

2 – Não repasso e não divulgo qualquer mensagem negativa, nenhuma sequer, nem sobre política, tragédias, preconceito, piadas que constrangem, pegadinhas com pessoas simples, por mais bobinho e inocente que seja, deleto tudo!

3 – Sempre me faço 3 perguntas:
– Posso fazer algo para mudar essa situação?
– Isso vai ajudar alguém?
– O que posso fazer para que essa notícia não afete a mim, a minha família, clientes e amigos?

Lembre-se, você é um poço de energia, boa ou ruim…. canalize-a para aquilo que dê fruto!

E se quer propagar algo, espalhe o vírus da esperança, do amor, do bem-estar e verá o mundo a sua volta se transformando para melhor!

Wayne Valim

_____________________________

Gostou? Compartilhe:

botão newsletter
Curta nossas redes sociais:

 

 

Conteúdo relacionado:

 

Ciência explica por que falamos mal dos outros

carregar_15_2_2017_às_21_46_56-620x384