Como conquistar as pessoas para o seu ponto de vista em 12 passos

Você já pensou em dominar o poder de fazer as pessoas adotarem o seu ponto de vista? O que você faria se pudesse convencer qualquer pessoa a fazer aquilo que você quisesse? Pense nas implicações que isso traria para o seu trabalho e para a sua vida.

O escritor americano Dale Carnegie, autor de Como Fazer Amigos e Influenciar Pessoas, foi fundo nesse tema e, depois de muita pesquisa, selecionou doze maneiras de conquistar as pessoas para o seu modo de pensar. Algumas regras são claras, mas outras são extremamente estratégicas.

O primeiro passo ensinado é que, embora a outra pessoa tenha um ponto de vista diferente do seu (do contrário você não estaria querendo fazê-la mudar de opinião), você nunca deve entrar em uma discussão. E por quê não? Por que você nunca pode vencer uma discussão sem ferir a pessoa. Dessa forma, ela não vai adotar o seu ponto de vista.

Sendo assim, respeite a opinião alheia e nunca diga diretamente a uma pessoa que ela está errada. Quanto mais você insistir que ela está errada, mais ela passará a defender ferrenhamente o ponto de vista dela.

Procure honestamente ver as coisas pelo ponto de vista alheio, tendo consciência de que você próprio, se estivesse sob as mesmas condições e sob a mesma formação social e educacional, estaria provavelmente pensando da mesma forma.

O quarto ponto a ser observado é que você deve reconhecer suas próprias falhas durante a argumentação.

Se você diz algo como “essa ideia pode parecer meio boba mas não tive uma melhor”, a pessoa com quem você argumenta te olhará com outros olhos, acreditando que você é uma pessoa modesta. Isso não ocorrerá se você chegar certo e seguro de si, falando que tem a melhor ideia do mundo, o que deixará o interlocutor na defensiva.

Uma outra tática muito eficiente é sempre começar a conversa de um modo amistoso. Procure elogiar a pessoa e pontuar as qualidades do ponto de vista dela para unir com as qualidades do ponto de vista que você quer que ela passe a adotar.

O filósofo grego Sócrates tinha grande destreza nessa área ao fazer com que as pessoas dissessem “sim” o quanto antes em uma argumentação. Faça perguntas que não deixe ao interlocutor outra opção que não seja dizer “sim”. Cada “sim” que ele disser, estará mais próximo de adotar a sua ideia.

Mesmo sendo você que quer fazer a outra pessoa mudar de opinião, não deixe isso claro. Na verdade, a outra pessoa deve falar durante a maior parte da conversa. Seja um ouvinte atento e faça perguntas que a estimulem-na a falar bastante.

Delicadamente, vá direcionando a pessoa a pensar que a sua ideia é, na verdade, ideia dela. Assim, ela irá defendê-la com mais veemência. É preciso ter cuidado nessa estratégia, para não parecer manipulador.

A cada ponto em que as ideias da pessoa se aproximarem das suas, mostre-se simpático a elas e ao desejo alheio. Você tem que se colocar no lugar do seu interlocutor para fazê-lo passar para o seu lado.

A décima regra diz para você apelar para os mais nobres motivos. Todo mundo sente orgulho de si, gosta de ser correto e nobre na sua autoavaliação. Aqui entram frases-chave como “Acredito que você é um homem justo…” ou “Sei que você é uma pessoa de palavra…”.

A penúltima dica diz respeito a aprender com os grandes convencedores da humanidade: os publicitários. Dramatize suas ideias, exemplifique como elas serão úteis para a pessoa (e não para você). Lembre-se que, para a pessoa ao lado, uma simples dor de dente incomoda mais do que toda a fome na África. Para ela querer fazer o que você quer, você precisa convencê-la de que isso será importante para ela (e não para você).

Se essas dicas não tiverem funcionado completamente, lance um desafio! Faça a pessoa ao menos experimentar a sua ideia por um período curto de tempo. Estimule a competição.

Todos nós temos o desejo de vencer, de sobrepujar, de se sobressair. Use isso a seu favor.

 As 12 maneiras de conquistar as pessoas para o seu modo de pensar

  1. A única maneira de ganhar uma discussão é evitando-a
  2. Respeite a opinião dos outros, nunca diga: “Você está enganado”
  3. Se estiver errado, reconheça o seu erro rápida e enfaticamente
  4. Comece de maneira amigável
  5. Consiga que a outra pessoa diga “sim, sim” imediatamente
  6. Deixe a outra pessoa falar durante boa parte da conversa
  7. Deixe que a outra pessoa sinta que ideia é dela
  8. Procure honestamente ver as coisas do ponto de vista da outra pessoa
  9. Seja receptivo às ideias e desejos da outra pessoa
  10. Apele para os mais nobres motivos
  11. Dramatize as suas ideias
  12. Lance um desafio

Artigo extraído e adaptado do site Mude.Nu.

_____________________________

Gostou? Compartilhe:

botão newsletter
Curta nossas redes sociais:

 

 

Conteúdo relacionado:
O poder das palavras e seu impacto nas relações

tykyu

O incrível poder da observação

observation#waysupcoaching

Conteúdo Relacionado